Quando um recado faz tudo valer a pena

Vira e mexe recebo recadinhos de agradecimentos de pessoas negras que passaram a se enxergar, se amar e o principal: se orgulhar de sua origem africana.
A parte chata de veicular uma campanha social é ficar ouvindo o chororô daqueles que são os opressores, mas que se acham bondosos.
Mas a parte boa supera (e muito) a parte chata. Vejam só que delícia de recado de alguém que eu nem conhecia, mas que de alguma forma me acompanhava por aqui, sem eu nem saber:
"Oi, Sheila!
Bom, quero lhe dizer o quanto você impactou minha vida. Vou lhe explicar:
Cresci numa cidade pequena em Minas, aonde metade da população é racista. Minhas amizades praticamente em sua maioria eram brancas e eu sempre fui diminuída em relação a elas, pois eu não tive namoradinhos como elas e sempre debochavam e riam do meu nariz ou do meu cabelo.
E acaba que de tanto você ouvir que você é feia e estranha, você acaba acreditando. Pode acreditar. Eu sofri muito. Foram diversos tipos de humilhação que eu passei e eu não tinha metade da força que tenho hoje para enfrentar. Aquela foi uma das piores épocas da minha vida.
Enfim, a vida, ou melhor, Deus foi me distanciando daquelas pessoas que muito me fizeram mal e eu, boba, deixei que me humilhassem.
Conheci meu marido e viemos para o Rio. Hoje tenho 2 filhos e não quero nunca que eles passem pelo que eu passei.
Com suas postagens e seu modo de pensar, me encantei. Queria ter a metade da força que você tem.
Muito obrigada por todas as suas postagens que, com certeza, de uma certa forma, impactou minha vida totalmente.
Beijos de uma fã. Que Deus continue lhe abençoando sempre e continue encorajando mulheres negras a se valorizarem assim como você me ajudou."

Sheilla

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Instagram