Avante, cotistas!

Vira e mexe eu tenho acesso à relatos de pessoas que estudam em faculdades e eu nem conseguiria reproduzir aqui todos os casos horrendos de racismo que elas estão sujeitas na faculdade.

Aconteceu até mesmo de um professor, falando de estudos (mega-ultrapassados) que apontam inferioridade intelectual dos negros em relação aos brancos. E após este atestado de incompetência e limitação intelectual, o dito professor deu prosseguimento da aula EM INGLÊS, pois sabia que os branquinhos classe média conseguiriam entender e os demais não. Este é apenas um dos casos.

E aí, eu descubro que, de acordo com os números apresentados pela UFMG, os alunos cotistas tem demonstrado desde 2013 um desempenho acadêmico igual ou superior aos demais alunos!

Isso, debaixo de todo tipo de humilhação, perseguição por parte de "colegas" e professores que fazem de tudo para que eles desistam. Tinha tudo para eles terem um rendimento inferior, dado a tortura psicológica à qual eles são submetidos diariamente. Mas não. Eles avançam, cada vez mais.

É como eu sempre digo: quando eles tentam nos afundar, na verdade o que eles estão fazendo é nos dar impulso para subirmos mais alto.

Avante!

Sheilla

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Instagram